Política de privacidade

A marca e site Ana Viegas são administrados por Ana Viegas, enquanto empresária em nome individual.

Ana Viegas é, para os efeitos desta Política de Privacidade, responsável pelo tratamento de dados pessoais na aceção do Regulamento Geral de Proteção de Dados.

O tratamento de dados pessoais levado a cabo através deste site está em conformidade com o Regulamento (UE) 2016/679, de 27 de abril de 2016, relativo à proteção das pessoas singulares no que diz respeito ao tratamento de dados pessoais e à livre circulação desses dados e que revoga a Diretiva 95/46/CE e demais legislação conexa.

Os dados pessoais recolhidos neste site são tratados com vista às seguintes finalidades:

Newsletter

Recolhemos o e-mail, através do nosso site, para o envio de Newsletters. Ao facultar-nos o e-mail, o titular de dados está a dar o seu consentimento específico para a aceitação da receção da Newsletter. Podemos solicitar o registo na Newsletter como condição para disponibilizar gratuitamente outros materiais gratuitos no site.

Para garantirmos um consentimento fidedigno, utilizamos um processo de dupla verificação, isto é, o titular de dados receberá um e-mail de confirmação aquando do registo e apenas através da verificação desse e-mail será adicionado à base de dados.

Utilizamos, para gestão da Newsletter, a plataforma E-goi. Este software é administrado em Portugal, estando em conformidade com a legislação europeia.

O titular de dados tem o direito de retirar o consentimento a qualquer momento através do local indicado nas Newsletter ou através do e-mail info@anaviegas.pt.

Formulário de contacto

Neste site é possível contactar-nos através do envio de um formulário. Esse formulário é criado e administrado através do software E-goi e solicita dados necessários para dar seguimento a uma resposta da nossa parte (nome, e-mail e mensagem).

Os dados não serão adicionados a qualquer base de dados sem que exista consentimento por parte do titular de dados.

Comentários

Os utilizadores do site Ana Viegas têm a possibilidade de deixar comentários nas publicações do blogue. No formulário submetido para que o comentário seja adicionado são solicitados dados pessoais para que seja possível uma maior proteção contra ataques informáticos (robots, hackers, vírus). Esses dados poderão ser divulgados em conjunto com o comentário. Os comentários são geridos através do software WordPress.

Todos os comentários são sujeitos a aprovação prévia por parte da administração do site. Após aprovação, a administração do site reserva-se o direito de ocultar o comentário do site se assim o entender.

Os dados não serão adicionados a qualquer base de dados sem que exista consentimento por parte do titular de dados.

Partilha nas redes sociais

Utilizamos o plug-in Social Warfare para permitir a partilha de conteúdos do nosso site nas suas contas Facebook, Twitter, LinkedIn e Pinterest. Esta aplicação não recolhe dados e apenas conecta o utilizador, através de um API, à rede social, permitindo-lhe assim partilhar o conteúdo.

Registo no site

É possível o registo no site Ana Viegas para acesso a cursos online e a outros materiais disponibilizados. No momento do registo são solicitados dados pessoais – nome, e-mail e palavra-passe – e a aceitação dos Termos e Condições de Utilização do site.

Ao aceitar os Termos e Condições de Utilização do site, o titular de dados receberá um e-mail de confirmação, para verificação da identidade.

Os dados não serão adicionados a qualquer outra base de dados sem que exista consentimento por parte do titular de dados.

Cookies

Os cookies são pequenos ficheiros de texto com informação relevante que o seu dispositivo de acesso (computador, telemóvel/smartphone ou tablet) carrega, através do navegador de internet, quando um site é visitado pelo utilizador.

Estes ficheiros permitem que, durante um certo período de tempo, o site se «lembre» das suas ações e preferências.

Os cookies utilizados não recolhem informação que identifica o utilizador. Recolhem informações genéricas, designadamente a forma como os utilizadores chegam e utilizam os sites ou a(s) zona(s) do(s) país(es) através da(s) qual(is) acedem ao site, etc.

É por isso que, quando percorre as páginas de um site ou regressa a um site que já visitou, não tem, em princípio, de voltar a indicar as suas preferências ou introduzir repetidamente as mesmas informações.

 

Que tipo de cookies utilizamos?

O site Ana Viegas utiliza cookies no seu site para proporcionar ao utilizador melhor qualidade de navegação.

Utilizamos cookies de sessão: estes cookies são essenciais para aceder a áreas específicas do nosso site. Estes são necessários para algumas áreas do site funcionarem, são temporários e são automaticamente eliminados uma vez que sai do site. Estes cookies não podem ser desativados.

Utilizamos cookies funcionais: estes cookies permitem-nos relembrar as preferências do utilizador. Por exemplo, os cookies evitam digitar o nome do utilizador cada vez que este acede ao site. Não são necessários para que o site funcione, contudo são utilizados para melhorar a experiência do utilizador. Não armazenamos quaisquer dados pessoais nestes cookies.

Utilizamos cookies analíticos ou de desempenho: estes cookies são utilizados para analisar a forma como os utilizadores usam o site e monitorizar o desempenho deste. Permitem, por exemplo, saber quais as páginas mais populares, qual o método de ligação entre páginas que é mais eficaz ou determinar a razão pela qual algumas páginas estão a receber mensagens de erro. Estes cookies são utilizados apenas para efeitos de criação e análise estatística, de forma anónima, sem nunca recolher dados pessoais.

 

Como controlar os cookies

O utilizador pode, a qualquer momento e através do seu navegador de internet, decidir ser notificado sobre a receção de cookies, bem como bloquear a respetiva entrada no seu sistema. Os cookies já configurados podem ser apagados a qualquer momento através do próprio navegador ou com outros programas de software. Isto é possível em todos os navegadores mais populares e utilizados. Algumas funções no site não funcionarão se não for autorizada a utilização de cookies.

Medidas de segurança

Os dados recolhidos são processados e armazenados informaticamente no estrito cumprimento da legislação de proteção de dados pessoais.

O site Ana Viegas tem certificados SSL válidos que encriptam a comunicação entre o computador do utilizador e o servidor onde está alojado o site.

Utilizamos um subcontratante para serviços de alojamento. Assumimos que todas as medidas técnicas e organizativas necessárias são levadas a cabo para a manutenção da integridade e confidencialidade dos dados dos utilizadores. O subcontratante poderá ter acesso a dados dos titulares quando tal for necessário para manutenção ou assistência técnica.

Os dados pessoais tratados por nós não são transferidos para entidades terceiras com exceção de solicitações de obrigatoriedade legal provenientes de entidades competentes.

Período de conservação dos dados

Salvo indicação em contrário ou por motivos legais, os dados recolhidos apenas serão conservados pelo período estritamente necessário à prossecução das finalidades do tratamento, garantindo-se a sua destruição logo que cessada a finalidade.

Direitos dos titulares de dados pessoais

São considerados titulares de dados pessoais todas as pessoas singulares que possam ser identificadas ou identificáveis por qualquer informação, independentemente da sua natureza ou suporte. É identificável uma pessoa da qual se possa obter a sua identidade através da análise de um ou mais dados.

 

O titular de dados pessoais tem os seguintes direitos:

 

Direito a solicitar o acesso aos seus dados pessoais

O direito de acesso permite ao titular saber se os seus dados estão ou não a ser tratados e, em caso afirmativo, obter informações como, por exemplo, os fins de tratamento, as categorias dos dados que são tratados, os destinatários aos quais foram ou serão comunicados, o prazo previsto da conservação dos dados pessoais ou, caso não seja possível, os critérios utilizados para determinar este prazo.

 

Direito de retificação

O titular dos dados pessoais tem o direito de obter do responsável pelo tratamento, sem demora injustificada, a retificação dos dados inexatos ou incompletos que lhe digam respeito.

 

Direito à limitação do seu tratamento

O direito à limitação do tratamento permite-lhe solicitar a restrição do tratamento dos seus dados pessoais. Este direito apenas pode ser exercido em determinadas situações, taxativamente elencadas no Regulamento Geral de Proteção de Dados, a saber:

– Quando tenha contestado a exatidão dos seus dados pessoais, durante o prazo que permita ao responsável pelo tratamento verificar a exatidão dos mesmos;

– Quando considere que o tratamento é ilícito e o titular de dados se tenha oposto à eliminação dos dados pessoais e solicita, em alternativa, a limitação do tratamento;

– Quando o responsável pelo tratamento já não necessita dos dados pessoais para os fins do tratamento, mas para si sejam necessários para o exercício ou a defesa de reclamações e/ou exercício de outros direitos;

– Quando o titular dos dados exerceu o seu direito à oposição, até se verificar que os interesses legítimos do responsável pelo tratamento prevalecem sobre os do titular dos dados.

 

Direito à portabilidade dos dados

O direito à portabilidade permite-lhe solicitar ao responsável pelo tratamento que os seus dados pessoais sejam transferidos para si ou para outro responsável pelo tratamento.

Este direito apenas pode ser exercido quando o responsável pelo tratamento trata os seus dados com base no consentimento específico ou com base num contrato e quando o tratamento seja realizado através de meios automatizados. O responsável pelo tratamento deverá providenciar os dados num formato estruturado, de uso corrente e de leitura automática.

 

Direito ao apagamento e/ou a ser esquecido

O direito ao apagamento, ou direito a ser esquecido, permite-lhe que, em determinadas situações, possa exigir que os seus dados sejam eliminados. Este direito apenas poderá ser exercido quando cumpra a situação que se enquadrar numa das seguintes:

– Quando os dados deixem de ser necessários para a finalidade para a qual foram recolhidos;

– Quando o consentimento seja retirado e o tratamento não tenha por base outra base de licitude;

– Quando o titular dos dados exercer o direito de oposição e não existirem interesses legítimos do responsável pelo tratamento prevalecentes que justifiquem o tratamento;

– Quando o tratamento dos dados seja ilícito;

– Quando os dados têm que ser apagados para o cumprimento de obrigação jurídica decorrente do Direito da União Europeia ou do Direito Português.

 

Direito a opor-se ao tratamento

O direito à oposição permite ao titular opor-se ao tratamento dos dados levado a cabo pelo responsável pelo tratamento quando esse tratamento tenha por base os interesses legítimos prosseguidos pelo responsável pelo tratamento ou quando o tratamento de dados for efetuado para efeitos de marketing direto.

 

Direito de retirar o consentimento

Sempre que o tratamento de dados tenha por base o consentimento, o titular de dados tem direito de retirar o mesmo a qualquer momento. A licitude do tratamento efetuado até à retirada do consentimento permanece com base no consentimento previamente dado. O consentimento pode ser retirado através dos mesmos meios pelos quais foi transmitido.

Exercício de direitos

Todos os direitos enunciados poderão ser exercidos de forma gratuita para o e‑mail info@anaviegas.pt.

O titular de dados tem o direito de reclamar junto da autoridade de controlo:

[CNPD – Comissão Nacional de Proteção de Dados

Av. D. Carlos I, 134 – 1.º 1200-651 Lisboa

Tel.: +351 213928400 – Fax: +351 213976832 – e-mail: geral@cnpd.pt]

Ligações externas

O site Ana Viegas pode conter hiperligações para sites externos e endereços de e-mail fora da nossa responsabilidade.

A presente política de privacidade não se aplica a esses sites e endereços de e-mail.

Se o utilizador aceder a uma hiperligação disponível no site Ana Viegas para outro site e fornecer dados pessoais nesse site, o processamento dos dados estará sujeito à política de privacidade desse site.

Alterações à política de privacidade

Podemos alterar esta política de privacidade a qualquer momento, no sentido de melhorar o tratamento que damos aos dados pessoais dos utilizadores. Se considerarmos que a alteração afeta os direitos dos titulares, informaremos através dos devidos canais.